RECONVERTER PRO - As candidaturas à medida de estágio foram prorrogadas até 1 de março de 2024

Partilhe

Novo modelo de políticas de qualificação e emprego reforça condições para a fixação dos jovens na região

Novo modelo de políticas de qualificação e emprego reforça condições para a fixação dos jovens na região
Partilhe

A Secretária Regional da Juventude, Qualificação Profissional e Emprego, Maria João Carreiro, assegurou na sexta-feira que o “novo modelo de políticas de qualificação e emprego em curso na região reforça as condições para a fixação dos jovens nos Açores”.

 

A governante, que falava na sessão comemorativa do 24.º aniversário da Escola Profissional de Nordeste (EPN), em São Pedro Nordestinho, frisou, neste sentido, o “amplo e integrado plano de qualificação e emprego que visa capacitar os jovens pela via da formação, com efeitos no seu acesso e permanência no mercado de trabalho”.

 

“O emprego e a formação não estão dissociados, razão pela qual estamos a potenciar uma maior articulação com as empresas, escolas profissionais e entidades formadoras, para dar resposta aos desafios da qualificação e emprego dos ativos empregados ou desempregados e dos jovens à procura de primeiro ou de novo emprego”, garantiu.

 

Para o ano letivo de 2022/2023 estão em oferta nas 17 escolas profissionais da região 42 novos cursos de dupla certificação (Ensino Secundário e Qualificação Profissional de Nível IV), mais seis do que no ano anterior, entre os quais os cursos dirigidos ao setor do Turismo, hotelaria e restauração, ao trabalho social ou à produção agrícola e animal.

 

Este aumento, que é acompanhado do aumento de formandos integrados nas escolas profissionais, pode abranger um total de 800 novos formandos nas escolas profissionais.

 

Os formandos dos cursos de nível IV podem fazer o seu estágio curricular integrado no curso numa outra ilha que não sua ilha de residência, ao abrigo do MOOV – Programa de Mobilidade, Ocupação e Orientação Vocacional, no que “constitui uma oportunidade para diversificar a aprendizagem e aproximar os jovens ao mercado de trabalho”, disse.

 

“Afirmámos o compromisso de contribuir para que as novas gerações de açorianos sejam mais qualificadas. O reforço das competências técnicas e o reforço da qualificação profissional são requisitos que determinam a forma como nos posicionamos para vencer os novos desafios de um mercado de trabalho que é hoje mais exigente”, afirmou.

 

Entre as medidas de apoio ao emprego e à contratação em execução pelo Governo dos Açores, Maria João Carreiro sublinhou o PRO.ATIVO, medida de incentivo à procura ativa de emprego através da atribuição de um apoio financeiro desempregado ocupado ou em estágio, e o programa CONTRATAR, de apoio às empresas que celebrem contratos de trabalho com os desempregados ocupados em medidas temporárias ou estágios.

Notícias Recentes

Ver todas as notícias
Suporte

Direção Regional de Qualificação Profissional e Emprego

Morada
Rua Dr. José Bruno Tavares Carreiro, S/N,
9500-119 Ponta Delgada
Açores, Portugal
Telefone
296 308 000

Entre em contacto connosco.

    Primeiro e último nome*

    Telefone

    E-mail*

    Assunto*


    Mensagem*